Total de visualizações de página

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Fresquinhas


















Não procede
- Minha informação de que a renúncia de Rogério tirou a vaga de Alfredo Gonçalves deve ser posta em dúvida. Mesmo com os votos de Rogério, a coligação de Alfredo não chegaria ao coeficiente. A coligação fez 4700 votos e precisaria de mais 1400 para fazer um (6100 era o mínimo). 


Absurdo
- Isso não invalida as suspeitas sobre a renúncia e levanta uma questão. Os 295 eleitores de Rogério poderiam ter votado em outros candidatos e alterado a composição da Câmara. É justo que o TRE aceite uma renúncia menos de 48 horas antes das eleições, sem que os eleitores tenham tido tempo de saber que os votos que dariam ao candidato que pediu a renúncia serão anulados ?    
















Previsão certa
- Eu previ para um eleitor de Alfredo antes de começar a apuração que a coligação dele teria 4500 votos. Errei por 200. Tirando Alfredo e Dr Adriano Bandeira, a coligação dele tava mais fraca que a defesa do Vasco..rs.. 


Janio e sua reflexão
- Foi impressionante a votação de Janio na zona 96. Em algumas urnas ele foi o quarto, chegando atrás de PC. Uma das avaliações que Janio deve fazer refere-se a essa rejeição nas zonas centrais da cidade. Janio tem defeitos como político, mas  não para isso


MM, o popular
- Outra avaliação que é possível fazer sobre as eleições. MM substituiu Alair como o político mais querido nas áreas mais populares da cidade. Em algumas delas, teve votação esmagadora. MM hoje é o candidato dos pobres e das comunidades carentes. Tal como Alair já foi um dia. Espero do fundo do meu coração que ele tenha a exata dimensão disso e saiba que se não corresponder terá o destino de Alair. Essa gente tem que entender que ser político é uma missão, uma grande responsabilidade com os desvalidos e que uma hora a balança daquele lá de cima funcionará


Liberou
- O pessoal de Marquinho deve ficar animado. O TRE tá liberando todo mundo e ontem liberou Mandiocão, prefeito reeleito de Rio Bonito, que teve contas rejeitadas pela Câmara. É uma festa !


De olho
- Apesar disso a Procuradoria Eleitoral pediu à justiça que casse MM


Vergonhosa
- A crise na educação de Cabo Frio é uma coisa avassaladora


Licença
- A extrema direita quer licença pra matar pobre e negro à vontade. Quem não concorda com isso é chamado de defensor de bandido


Só prende petista
- Cerveró abriu a boca e acusou um mar de corrupção na época de FHC. Moro nem ligou


Crivella na frente
- Pesquisa Datafolha aponta grande vantagem de Crivella sobre Freixo: 44 % a 27 %


Cara de Jacarandá
Na TV, o cara de pau do Meirelles acusou Dilma de ser responsável pelo déficit fiscal, que subiu de R$ 70 bilhões para R$ 170 bilhões desde que o Temer golpista subiu ao poder


Ridículo
- O PSOL não consegue explicar a votação ridícula que seu deputado estadual Paulo Ramos teve em Teresópolis. Paulo Ramos teve apenas 1.307 votos, ou 2,62 % dos votos

2 comentários:

Monica Goncalves disse...

Professor, foi o ato covarde do Rogerio que retirou a cadeira do PV sim. Um efeito dominó!
O quociente eleitoral não foi tão alto assim, mais de 6 mil. Não me recordo quanto foi, mas foi menos de 5 mil e chegamos bem perto. Vimos isso na hora que fechamos as contas.
O efeito dominó se deu, o Rogerio estava trabalhando a mais de um ano e ja foi vereador, alem de renunciar, postou em seus grupos de whatsapp que não era mais candidato. Ele teria mais votos que os 295, talvez o dobro.
E não foi só o Rogerio, outro candidato do PV foi aliciado também, aliás foi o grande articulador! Deixou de trabalhar e não teve nem 30 votos, ele teria mais.
Ambos supostamente, a policia federal vai apurar, teria recebido dinheiro e promessa de vantagens no governo.
Mas esse articulador foi esperto, também teria levado, cumpriu o combinado e não se queimou porque não protocolou a renuncia.E nem vai responder processo.
O efeito dominó se deu, os demais candidatos desanimaram e foram tirando o bloco da rua.
Ainda, cabos eleitorais do Alfredo foram comprados nas vesperas da eleição.
Tudo isso somado deu no que deu!!
Então, foi o Rogerio e esse outro candidato que detam fim no sonho do Partido Verde.

Gabriel De Biase disse...

Multa mendes, o futuro prefeito da cidade clichê, agora o candidato dos pobres e carentes, e também da digníssima população "central", deveria começar seu possível novo governo indo visitar o centro de reabilitação que construiu as pressas no fim do seu governo e nunca funcionou. Deveria também visitar os escombros da pista de skate da praia do forte que rachou poucos meses depois de sua inauguração ou mesmo os escombros de sua praça na praia do Pontal em Tamoios, destruída pelo mar poucas semanas depois de inaugurada. Poderia se esforçar por explicar suas subvenções irregulares para as escolas de samba, festa portuguesa, palcos para shows de pagode com valores imensuráveis, e diversas outras irregularidades envolvendo a Secaf. E quiçá o marlim de fibra milionário? E que tal as cestas básicas destribuídas com campanha irregular em outras épocas? As ruas não terminadas? Ah, nao, já entendi! Isso a gente esquece, porque Cabo Frio vai ser diferente. A morada da amnésia vai se reinventar..