Total de visualizações de página

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Fresquinhas


















Quase ninguém
- Fiquei impressionado com o pequeno número de pessoas na Feira Sebastião lan ontem. A crise realmente chegou e pra valer


MM por lá
- Aliás, o ex prefeito Marquinho Mendes passou pela Feira com sua esposa


Outra teoria
- Uma teoria de uma pessoa que entende muito da política local diz que Alair vai se dizer candidato até 5 de agosto, quando já terá feito o acordo secreto com MM. Ele lançaria, então, um candidato "Boi de Piranha" para disfarçar. Até lá, manteria seu governo unido com a lorota de que é candidato. Será ?  


Jantar seletivo divide
- Em sua fala no Riala, o prefeito fez questão de dizer que o jantar oferecido ali era destinado apenas aos defensores do governo no facebook e demais mídias sociais. Talvez por isso muitos que não defendem o governo, mesmo tendo cargos, não foram chamados. E muitos comissionados que não foram chamados ficaram chateados 


Socorro !!
- A senhora Vania Carvalho, coordenadora de artesanato, está querendo morar do lado da minha casa para espionar minha vida e comer meus alimentos. Já relatei o ocorrido à polícia


Não tem tempo e nem gente
- Segundo alguns jornalistas especializados em política, não há tempo para cassar Dilma pelo TSE e nem deputados suficientes para aprovar o impeachment no Congresso (342). Será ?   


O egocêntrico
- O fato é que o anúncio de Lula de que é candidatíssimo em 2018 não é bom para o país e só acirra os ânimos da oposição raivosa. Lula não pensa no Brasil, mas apenas em si. Aliás, parece até um político de uma certa cidade da nossa região


Corte criminoso
- Pezão mandou cortar as quentinhas que serviam o Caps, a instituição que cuida de dependentes químicos. Que tipo de homem faz algo assim ? Ele manteve as boquinhas, as secretarias e fundações dos miguxos, deu isenções para empresas milionárias, mas cortou a comida de quem precisa se livrar das drogas. É um criminoso !


O que será ?
- Uma estrutura que continha torres e paredes e que media 150 quilômetros de extensão continua intrigando arqueólogos do mundo inteiro. A estrutura ficava na Jordãnia e é do período pré Romano. A teoria mais aceita hoje é a de que poderia ser um extenso abrigo para tempestades do deserto. A construção não é mencionada pela Bíblia e pelos demais escritos locais

Nenhum comentário: